Entrevista Miguel Rasquinho, Presidente da CM Monforte

Encontrou a Câmara municipal como tava à espera?

Sim. Era presidente da Assembleia Municipal de Monforte por isso tinha um conhecimento mais aprofundado de tudo o que se passava na Câmara Municipal. No entanto, a real situação financeira da Câmara Municipal só foi conhecida após ter tomado posse como Presidente da Câmara Municipal. Encontramos a Câmara Municipal com um passivo acima do esperado, ainda assim, não muito acima.

Como tem corrido o seu mandato como Presidente da Câmara?

Tem corrido dentro das expetativas, excepto o facto do país andar em crise, praticamente desde que tomei posse em Outubro de 2009. Não tem sido fácil, mas o esforço dispendido tem sido bastante gratificante. No entanto, tem-se tratado mais de uma situação de estrangulamento e não de aperto. Não sei como vai ser nos próximos anos, sobretudo para os municípios mais pequenos.

A Freguesia de Santo Aleixo vai continuar? Ou vai-se juntar a Monforte?

Existe uma proposta de lei que está em cima da mesa. Monforte terá que agregar pelo menos 2 freguesias. Pessoalmente não estou de acordo, no entanto essa situação passa pela Assembleia Municipal, já que é lá que se vai ter a última palavra. Em relação à Câmara, a decisão foi unanime, em discordar da situação. Ainda assim, mesmo que a Assembleia Municipal não aprove, o Executivo poderá tomar essa decisão.

Quais são as suas expectativas para Santo Aleixo até ao fim do mandato?

As expectativas são muitos grandes. Uma das minhas grandes preocupações, logo na candidatura, foi com Santo Aleixo. Penso que foi a freguesia que tinha sido menos contemplada pelo executivo municipal anterior. A grande expectativa era o Lar de idosos. Foi a primeira coisa que nós fizemos. Nós fizemos o projecto, nós fizemos os estudos geotécnicos, nós escolhemos o local e a única zona disponível era no antigo campo de futebol, que uma parte pertence a uma senhora de Santo Aleixo. Cativamos verbas do QREN para aquela obra e a senhora não nos quis vender o terreno. Contratamos ainda um avaliador independente para nos avaliar o terreno e a senhora pediu-nos cerca de 4 vezes mais do seu valor. Partimos para a expropriação e quando esse processo estiver concluído, avançamos com a construção. Quero e desejo começar as obras até ao final do presente ano. Fizemos todo o trabalho e não é por nossa vontade que ainda não se iniciaram as obras.

Temos também uma preocupação, em Santo Aleixo, relativamente à rede de águas e esgotos, visto que a rede tem perdas na ordem dos 50 a 60%. Vamos tentar resolver essas questão também nos próximos meses.

E em relação à Praça de Touros? Como está?

Esse projecto está com a Junta de Freguesia. Penso que têm feito um bom trabalho e tem todo o nosso apoio para levar a situação até às ultimas instancias. A minha ideia é que mais tarde ou mais cedo, vai ser dada razão à população da freguesia de Santo Aleixo.

O que tem achado da prestação do Presidente da Junta de Freguesia?

Tem feito um excelente trabalho. Temos tido uma grande relação com a Junta de Freguesia. Aliás, neste mandato temos tido uma relação especial com as Juntas de Freguesia, onde temos tentado que o apoio não falte.

Quais os grandes projectos para Santo Aleixo até ao fim do mandato?

Para além do Lar e da rede de água e esgotos, também já fizemos a requalificação junto ao parque infantil. Neste momento estamos a requalificar um espaço junto à escola primária. Queremos ainda requalificar a zona de entrada de Santo Aleixo, onde os idosos se sentam e conversam. Queremos fazer ali uns bancos, umas mesas e umas casas de banho públicas.

Para além disso, vamos também requalificar as antigas escolas. Serão duas salas, em que uma será para instalar a SAJ e na outra sala, será um espaço polivalente, onde se possa fazer exposições, onde o artesanato da freguesia será exposto a todos. Esperemos que as obras comecem dentro de uns dois ou três meses.

Defina Santo Aleixo?

Terra pitoresca, típica e muito agradável. Onde é bom viver. Gosto muito de ir a Santo Aleixo. Sou sempre bem recebido, as pessoas têm uma abertura diferente e sentem o concelho de maneira diferente.

O que acha do Site?

Excelente. Hoje em dia quem não está ligada às novas tecnologias não aparece. É muito importante divulgar Santo Aleixo por esse mundo fora. O site é decisivo para Santo Aleixo. É muito importante saber que existe. Decisivo para Santo Aleixo, decisivo para a divulgação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.